Blog

Recolocação profissional para executivos: entenda quais os principais desafios e como superá-los

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), neste ano, o número de desempregados totalizou 14,8 milhões de pessoas. Isso porque com a crise econômica e sanitária em decorrência da disseminação do coronavírus, o desemprego bateu à porta de muitos brasileiros.

Diferentemente de algumas outras crises, nesta, não foram apenas os cargos operacionais que sofreram com demissões. Postos como executivos, gerentes e líderes também foram afetados e os profissionais nesta posição, hoje, estão em busca de recolocação no mercado de trabalho.

Esses cargos costumam ser mais estáveis, por isso, muitos foram pegos de surpresa. A recolocação profissional para postos de confiança é mais delicada e tende a ser mais complexa, pois conta com desafios particulares.

Por exemplo, por terem muito tempo de empresa e cumprirem com funções estratégicas, pessoas que ocupam esses cargos acumulam salários e benefícios que não condizem mais com a realidade das empresas no atual cenário. Não estão mais habituados com as novas ferramentas desse meio, têm currículo desatualizado, dentre outras possíveis dificuldades. 

Outro desafio que esses profissionais enfrentam é permanecer por anos na mesma corporação e isso pode causar algumas frustrações durante a procura por empregos. 

Por esses e outros motivos, a recolocação de executivos costuma ser mais difícil e demorada, levando em torno de 12 a 18 meses para a conclusão. Muitos contam com uma ajuda profissional especializada neste momento. 

Para facilitar esse processo, vamos apresentar algumas dicas de como superar esses desafios e conseguir boas oportunidades no mercado de trabalho – mesmo em meio a um cenário diferente para todos nós. Acompanhe!

Recolocação profissional para executivos: por onde começar?

Executivos são profissionais atrelados a alta gestão de uma organização. Eles são responsáveis pelo direcionamento do negócio, podendo intervir e influenciar diretamente nas decisões da empresa. 

Por isso, a demissão do executivo (seja voluntária ou não), é um processo de perda que geralmente desestrutura o profissional em questão.

Dependendo dos casos, é um processo complexo até mesmo para a própria empresa. Na recolocação profissional destes cargos, como mencionamos, enfrentam-se alguns desafios particulares.

De acordo com os desafios citados no início deste conteúdo, nossa primeira dica é estar disposto a assumir postos diferentes do que você tinha – optar por um cargo menos sênior, mas dizemos no sentido de encontrar uma nova área de atuação. 

Adaptar-se ao mercado é importante, mesmo que cause um desconforto de início. Então, muitas vezes, esses profissionais precisam aceitar ganhar menos do que estavam acostumados.

Empresas de porte médio, por exemplo, costumam contratar profissionais para que assumam cargos de confiança. É uma ótima alternativa também! 

A segunda dica é: estude o seu segmento. Entender como o mercado está é fundamental para conseguir novas oportunidades.

Ou seja, identifique novas qualificações exigidas nos processos seletivos, conheça novas ferramentas e atualize-se sobre as novidades do segmento.

Ainda que seja complexo, o fato é que, por mais exigente que seja, o mercado para executivos sempre oferece oportunidades profissionais para alguém que é qualificado, experiente e extremamente capacitado. Então, não se desespere, vai dar certo!

Para te ajudar, vamos a mais dicas. 

Autoconhecimento é a peça chave para recolocação profissional

O autoconhecimento é fundamental para se recolocar no mercado. Este é o momento do executivo entender quais os próximos passos deseja dar em sua carreira

Muitas vezes o profissional sempre quis empreender, só que não tinha a oportunidade. 

Tem o outro lado do autoconhecimento. Para aqueles que preferem continuar atuando sem abrir o próprio negócio, o  autoconhecimento é fundamental para entender quais são suas principais habilidades e características positivas para o mercado, que podem ser consideradas como algo diferencial. 

Esse processo também é interessante para identificar em quais pontos o executivo deve melhorar para conseguir novas oportunidades e realizar com excelência suas tarefas diárias. Exemplo: é um profissional excelente, mas tem dificuldade em se comunicar – seja por telefone, em palestras ou ao longo das ocasiões cotidianas de uma empresa.

Então, é legal utilizar o tempo “livre” para estudar formas de conseguir superar este desafio. Com isso em mente, será possível dar os próximos passos para conseguir uma recolocação profissional de maneira mais assertiva. 

Otimização do currículo

O currículo, muitas vezes, é a porta de entrada dos profissionais em uma empresa. É o primeiro contato entre recrutador e candidato. E mais do que isso, eles precisam dialogar com o mercado atual. 

Por isso, este documento precisa estar sempre atualizado. Deve contar, além de todos os outros dados que já sabemos, com as competências técnicas profissionais da pessoa, desafios enfrentados e tudo que diferencie seu perfil de tantos outros.

Muitas vezes, por estarem no mesmo cargo e na mesma empresa há anos, os executivos desconhecem alguns fatores que são valorizados em currículos atualmente. Um especialista em recolocação profissional pode ajudar neste momento, indicando não só as alterações necessárias no documento, mas também com explicações sobre quais são as novas exigências do mercado de trabalho frente às novas situações encaradas todos os dias.

Networking

Ter uma boa rede de contatos é fundamental para identificar novas oportunidades e até mesmo contar com algumas indicações. Desta forma, o networking deve ser trabalhado sempre, estando você empregado ou não.

Uma boa dica atualmente é utilizar as redes sociais para aumentar a rede de contatos. Fazer conexões com pessoas de RH e Headhunters no Linkedin e outras redes, por exemplo, pode ser uma boa alternativa. 

Mantenha o perfil atualizado e faça-se presente com participação em fóruns na sua área de atividade, faça postagens de conteúdos relevantes para seu mercado e continue ampliando seus contatos.

Estudos

Os estudos devem ser constantes para manter-se atualizado com as mudanças no mundo corporativo. Então, é a hora certa de investir em cursos, palestras, workshops e tudo que possa aumentar seu conhecimento sobre a área. 

Outra porta que pode ser aberta por meio dos estudos é a carreira acadêmica. Afinal, você já domina o assunto, tem longa experiência e propriedade para falar sobre seu segmento… que tal tornar-se um mestre?

Lembre-se que para dar aulas é preciso ter preparo, vocação e paixão. Confira um trecho de um dos nossos conteúdos disponibilizados aqui no blog: 

“O prazer está em ver os olhos dos alunos brilharem a cada nova informação que você traz e, ao final do curso, perceber o quanto cresceram, se desenvolveram e se tornaram pessoas e profissionais melhores com a sua ajuda.

Poder ouvir dos alunos, ao final da disciplina, “você foi o melhor professor do nosso curso”, não tem preço.

Ser um bom palestrante, com domínio do palco, apesar de ajudar nas aulas, não é o suficiente. “ – Sami Boulos Filho.

Procure ajuda de pessoas especialistas em recolocação profissional

Por fim, mas não menos importante, a nossa última dica é contar com a Trilha Carreira. Nós podemos te ajudar a se recolocar no mercado de trabalho mais rapidamente, com planejamento e ação. Confira!

Como nós, da Trilha Carreira, podemos ajudar?

A Trilha Carreira Interativa conta com uma equipe especializada e experiente em transição de carreiras de sucesso no mercado. Atuamos de diferentes formas para que profissionais atinjam seus objetivos de carreira – inclusive, executivos!

Na consultoria de recolocação profissional, podemos orientá-los a como agir no mercado de trabalho atual, como otimizar o currículo, realizar treinamentos para entrevistas e direcionamento para cursos, entre outros serviços.

Acesse nosso site para saber mais e conte com a gente!

Este site utiliza cookies e tecnologias semelhantes a fim de melhorar a experiência do usuário e coletar dados de navegação. A navegação neste site implica concordância com nossa política de privacidade e política de cookies.

Estou ciente