Blog

Qual seria sua idade se não soubesse quantos anos tem?

Como sabemos, o envelhecimento populacional está nos testando dia a dia! 

Sabemos que os novos tempos nos colocam frente a desafios para sermos mais maduros, com novos horizontes econômicos e novos papéis sociais a serem desempenhados. O envelhecimento humano se apresenta como um dos principais fenômenos da sociedade atual. O fato requer o desenvolvimento de estudos, que qualifiquem e ampliem o entendimento sobre a questão fora da ótica do processo saúde-doença. Sobretudo com novos horizontes econômicos, com novas possibilidades para nos reinventarmos, nos proporcionando formas para transformar o ócio e tempo livre em momentos interessantes, de desenvolvimento pessoal e tempo de qualidade para família e amigos. 

Envelhecer é ter cabelos brancos e rugas? Para nós, da Trilha em parceria com a Seniors, envelhecer significa a conquista da sabedoria. É dentro do processo do envelhecimento que nascemos, que podemos nos reinventar, é ver e viver a vida de uma maneira mais madura, é se aceitar, é seguir com independência e autonomia. É uma etapa a ser planejada para que tenhamos uma certa estabilidade em nossa saúde física, emocional e financeira. 

No entanto, para algumas pessoas, o envelhecimento pode ter uma conotação negativa, sendo isso uma forma irreal de entendimento… Obviamente que é um momento que temos que lidar com perdas, não só de pessoas, mais de capacidades. Mas tivemos até então uma vida inteira de conquistas e decepções, caímos e levantamos inúmeras vezes e isso nos dá “casca” para seguirmos enfrentando os desafios. Sabemos que algumas pessoas pensam que envelhecer pode ser o fim de uma jornada, e para elas, isso muitas vezes se torna um pesadelo, no entanto entendemos que esse mindset precisa ser ressignificado. É preciso que vejamos o amadurecimento como oportunidade, um sinal de um novo tempo, onde podemos recomeçar, experimentar nossas verdades, e com o passar do tempo, termos a possibilidade de aprender mais sobre nossa própria existência para sermos melhores indivíduos.

Não podemos ser o espectador da nossa história, temos que ser protagonistas!!! É preciso enxergar o caminho adiante a percorrer. Independente de quantos anos você tenha, a vida é um desafio, sempre nos provocando, no sentido de cada vez mais buscarmos nossa própria felicidade. 

Pode até acontecer de algumas pessoas se perguntarem diante do espelho…. Estou velho?? Sim, você pode estar com uma idade mais avançada, mais o que conta é a experiência, a forma como se sente com aquilo que o espelho reflete. Todos os dias pensamos sobre o quanto o tempo passa, mas a pergunta principal não é quanto tempo passou… mas sim como você o utilizou. Se pergunte: hoje, sou melhor que antes? Reflita… estou com saúde, feliz, mais realizado. O que desejo realizar que não fiz quando jovem?  Tem algo que não gosto? Como posso mudar?

Hoje entendemos que, existem inúmeras possibilidades e vantagens em “Envelhecer bem”. Vivemos em um mundo aberto e muito mais disponível, disposto a ensinar quem quiser aprender. Somos um universo, já aprendemos com a história que nos antecedeu, e temos um presente e um futuro por ser vivido e construído. Cabe a nós a escolha!

Crescemos e envelhecemos com nossas expectativas. Que mal há em sentir que você sempre está diante de uma nova experiência. Lembre-se, o que te faz feliz não te faz velho, independentemente da idade que você tenha! Alinhe suas esperanças, faça acordos com você mesmo, permita-se viver um sonho, uma nova realidade ou experiência, com suas felicidades e dores.

O que vai determinar nossa vida é a intensidade com a qual lutamos para buscar nossa autenticidade e para encontrar a melhor forma como cada um pode amadurecer dentro das próprias possibilidades. Resumindo, faça algo, para que o envelhecimento possa significar possibilidades. Você trabalhou a vida toda e como é de se esperar você quer uma compensação para os feitos de uma vida de dedicação. Inspire-se em Raul Seixas, (cantor e compositor) que já dizia: “EU PREFIRO SER ESSA METAMORFOSE AMBULANTE DO QUE TER AQUELA VELHA OPINIÃO FORMADA SOB TUDO” …. 

Temos que nos reinventar dia a dia, o universo não para, e temos que entender como os filósofos antigos que acreditavam que a vida é uma caixinha de surpresa, e que todos os dias vamos atingir nossa melhor qualidade de “ser Humano”. É compreender o que significa uma vida cheia de histórias, realizações e se sentir jovem, mesmo quando vem a aposentadoria, a viuvez, um lar sozinho, ou talvez, assumir papéis como os de avós, ou ter que conviver com sua própria perda de autonomia. Busque ver o copo meio cheio, com serenidade e clareza, não exija mais de você por imposição social. 

O mais importante é “manter a cabeça erguida e a espinha ereta” para que os percalços e durezas da vida, fiquem como lições valiosas. 

Trabalhe sua autoestima, quando se olhar diante do espelho ver uma imagem que não gosta e sentir seu ego machucado, tenha força para buscar a mudança que deseja. O tempo nos faz melhores, aprecie com gratidão o que viveu, presencio, conquistou.

Hoje, estamos no século vinte e um, com inúmeras possibilidades. Temos que pensar que ficar velho não pode significar estagnação, nascemos bebês, depois adolescentes, em seguida adultos e depois idosos, devemos pensar que o idoso é um adulto com mais experiência, apenas isso!!! Claro que não podemos viver independentemente de uma realidade sociocultural e aspectos fisiológicos, mas podemos buscar o “singular”.

O que temos que pensar é que lutamos sempre pela nossa FELICIDADE! É preciso encontrar o prazer em amadurecer dentro das infinitas possibilidades. Viver é a essência da nossa existência, então por que, não tirarmos o melhor disso???? 

Afinal… 

“Qual seria sua idade se não soubesse quantos anos tem?” – (Confúcio)

Aproveitando a reflexão, conte com a Trilha para ajudar você a planejar e organizar essa etapa, conhecendo o nosso programa Trilha Longeva que abordará os três principais pilares da vida (físico, mental e financeiro).

 

Autor (a): Fernanda Minniti Mançano

Este site utiliza cookies e tecnologias semelhantes a fim de melhorar a experiência do usuário e coletar dados de navegação. A navegação neste site implica concordância com nossa política de privacidade e política de cookies.

Estou ciente