Blog

Qual a importância em desenvolver sua marca empregadora?

Ter consumidores engajados com a sua marca exige o envolvimento dos colaboradores de sua empresa! Já que são eles quem estão na linha de frente, materializando para os clientes os diferenciais do nosso negócio. Quem melhor, então para ser embaixadores da nossa marca? 

Isto nos leva ao conceito de employer branding, que pode ser traduzido como “reputação enquanto empregador”. 

 

Saiba mais sobre esse conceito!

 

Esse conceito está diretamente associado com o sucesso das empresas na seleção, recrutamento e retenção de talentos – o que envolve usar um conjunto de ações entre os colaboradores de sua empresa para promover maior satisfação, engajamento e retenção.

Porém, assim como ocorre com os clientes finais, não é fácil e nem espontâneo, obter defensores internamente!

Sendo assim, fica cada vez mais relevante e frequente a procura/necessidade do investimento das empresas em projetos de employer branding – já que, ainda que importantes, políticas adequadas de remuneração não são suficientes para atingir este objetivo.

Quer entender melhor essa estratégia de employer branding e como tirar proveito da mesma para aumentar os resultados da sua empresa? Então você está com sorte, porque esse é o tema hoje de nosso blog!

 

Entenda melhor o conceito de employer branding!

 

De forma simplificada, podemos definir o employer branding como uma estratégia que visa à construção e a manutenção da imagem positiva da empresa entre os colaboradores o que, obviamente, também interfere favoravelmente na percepção que os clientes têm sobre a marca. 

Ou seja, promover o bem-estar aos profissionais de sua empresa é importante para trabalhar uma boa reputação e consequentemente, ter mais chances de sucesso em seu segmento. 

 

Saiba como fazer um projeto de employer branding

Incluir o employer branding entre suas estratégias de identidade organizacional demanda um projeto bem estruturado e planificado de longo prazo, que para ter sucesso, precisa além do envolvimento RH, do “sponsor” da liderança da empresa e participação de todas as áreas.  

Quer um projeto bem sucedido? Então defina e entenda qual é a missão, visão e valores que sustentam seu negócio.

 

Por que isso é importante?

 

Não podemos negar que, cada vez mais, os valores intangíveis são fundamentais para diferenciar uma marca/empresa dos concorrentes diretos e indiretos!

É por isso que o employer branding gera impactos tão produtivos para a construção e manutenção de defensores da empresa – sendo esses os funcionários ou não.

 

Vantagens do employer branding

Engajar, valorizar e preocupar-se com o bem-estar dos colaboradores aumenta de fato: a produtividade (pessoas mais motivadas se envolvem mais com os objetivos da empresa), reduz os custos nos processos de seleção e contratação (pela imagem e percepção positiva da empresa, que atrai talentos mais facilmente), diminui turnover e também colabora com o aumento de resultados da empresa. 

Uma vez que todos são integrantes da mesma, tornam-se embaixadores e “comerciais” da marca. Afinal, este é um bom lugar pra trabalhar

 

É possível ir além das vantagens de engajamento

Não acaba por aí! Ao considerar o valor das estratégias nessa área, não podemos deixar de ressaltar e considerar os efeitos positivos (benefícios) sobre a relação com os fornecedores.

O conceito é: quanto melhor trabalhada for a imagem da empresa, mais fácil será de estabelecer boas negociações. Ou seja, uma questão é consequente e chega a ser dependente da outra. 

Trabalhando isso, os fornecedores passam a entender que podem agregar valor à sua operação, porque estarão associados à uma empresa que tem boa reputação.

 

Estratégias de employer branding

 

Já deu para perceber o quão importante é fazer com que uma empresa figure entre as mais desejadas para se trabalhar. Tendo essas informações, vamos ver os aspectos que podem ser trabalhados para ajudar a construir esse tipo positivo de reputação.

Para que a estratégia funcione, diversas ações devem ser feitas em conjunto:

    • O primeiro passo é definir os valores que sustentam o negócio – ou identificar os que já existem com mais objetividade;
    • Revise periodicamente tópicos como visão, missão e valores de seu negócio – de forma que acompanhem a diferenciação da empresa. Reproduzir conceitos que não estão de acordo com o modo de operação da empresa e/ou não condizem com os seus objetivos é algo que nunca deve ser feito;
    • Comunique e dissemine internamente essa visão, missão e valores – criando sua própria cultura e DNA empresarial;
    • Fazer planejamentos é algo fundamental. Para que sejam completos, é preciso considerar alguns pontos – como quais são objetivos desse projeto, quais são os recursos disponíveis, definir cronograma a ser cumprido (tendo base em dados reais) e indicadores (KPIs) para poder mensurar os resultados alcançados;
    • Envolva a alta direção da empresa, RH , marketing e comunicação como principais multiplicadores do projeto e tenha como suporte pontos focais em outras áreas para garantir uma estratégia de sucesso.

Pode melhorar!

 

Além dessas ações apresentadas, coloque o marketing de experiência em prática – nessa etapa, os colaboradores devem ser vistos como potenciais consumidores da marca.

Isso quer dizer que seu colaborador deve ser o primeiro a validar as iniciativas da empresa e saber que faz parte disso.

Esta é uma questão prioritária no ambiente interno, porque não basta apenas ter boas iniciativas em alguns sentidos… é preciso comunicá-las da forma apropriada!

A reputação construída ao longo do processo e mantida a partir da percepção do outro é de extremo valor para o sucesso do seu projeto – até porque a estratégia de employer branding não tem a ver com a maneira que a empresa se enxerga, mas depende muito da forma como a empresa é vista pelos não só por seus colaboradores, mas também por possíveis candidatos.

Também é importante desenvolver estratégias de Marketing de Conteúdo com o público interno, o valor da sua marca pode ser impactado pelas informações que são compartilhadas pelos seus colaboradores.

Incentive aos profissionais a produzir artigos e conteúdos de qualidade para fortalecer a autoridade da marca (como: iniciativas adequadas para resolver determinado problema da operação e outros).

O principal, nesses casos, é ter um plano de divulgação e canais estruturados, alinhados entre as diversas áreas da empresa.

Entendeu? Gostou? Mas, reparou que é um projeto complexo, estratégico e acha que precisa de suporte profissional? Contate a Trilha Carreira para conhecer nosso programa customizado de Employer Branding. Para nós, será um prazer contribuir para o seu sucesso!