Blog

Mudanças no mundo corporativo: desenvolvendo sua comunicação escrita em seu processo de transição de carreira

O objetivo da comunicação escrita, nas suas diversas formas no processo de busca da nova posição, é criar a oportunidade para a comunicação oral, presencial, ou seja, a entrevista

 

Expresse todas as suas competências na comunicação escrita! Não haverá outra chance

 

É nesse contato que você poderá se expor da melhor maneira suas competências. Não há carta ou telefonema que venha a substituir o contato pessoal. Você está ali, frente a frente com o selecionador, avaliando suas reações, aprovações e reprovações, tendo a oportunidade de corrigir o rumo da conversa.

Essa vantagem do contato pessoal é válida tanto para a atividade de networking, ao se expor em sua rede, como a da entrevista propriamente dita.

 

Evite o “padrão” se quiser ter atenção

 

Selecionadores de currículos, diretores de recrutamento e pessoas que decidem, são bombardeados com milhares de cartas de candidatos a empregos.

Eu, pessoalmente, recebo muitas diariamente e, o que é pior, todas com exatamente o mesmo texto. Parece que as pessoas buscam em sites de empregos um modelo que seja padrão e não se dão ao trabalho de sequer personalizá-la. 

Convenhamos, não é para ser lida mesmo. Se você quiser se destacar na multidão e conseguir uma entrevista pessoal, sua comunicação de forma geral precisa ser extraordinária, diferenciada e representar o que você tem de melhor a oferecer.

 

Como ter êxito com a comunicação escrita?

 

Para que tenha êxito em sua transição, é importante que a comunicação para apresentação de seu “produto” seja eficiente aos seus “compradores” potenciais. 

Essa é uma responsabilidade apenas sua, a de desenvolver um processo de comunicação de maneira a transmitir a mensagem sobre o seu “produto”, de forma a ser aceito e desejado pelos “compradores”. 

Muitas cartas poderão ser utilizadas na campanha e aqui são chamadas de cartas de marketing, por possuírem a finalidade de promover e apresentar um produto – você. 

Serão encaminhadas às empresas-alvo, mas apenas para aquelas as quais não identificou nenhum contato em sua rede, e devem ser endereçadas a um executivo da empresa. 

 

Cartas de marketing e cartas de apresentação

 

Cartas de apresentação do profissional, e não as de marketing que estamos falando, irão acompanhar seu currículo apenas quando forem encaminhadas às empresas de seleção e aos Headhunters e somente nesses casos. Nunca anexe seu currículo junto a uma carta de marketing, pois esta tem a finalidade de apresentar você à empresa de forma diferenciada. 

Para manter a atenção do leitor, o conteúdo de sua carta de marketing faz a diferença. Para as cartas encaminhadas às empresas-alvo, o principal objetivo é relacionar suas competências e histórias de sucesso às atividades daquela empresa. Assim você irá atrair a atenção do leitor para um fato que é de seu interesse. 

 

Pesquise a empresa e o mercado em que atua

É fundamental que pesquise a empresa e seu mercado, para que se familiarize com o momento que esta está vivendo, seus principais produtos, sua atuação no mercado, possíveis ameaças e oportunidades. 

O objetivo aqui não é apenas demonstrar familiaridade com o mercado, mas procurar identificar situações que você já vivenciou noutras empresas e que poderiam ser citadas como demonstração de experiência, seja no setor ou mesmo em situações similares.

Comece já no primeiro parágrafo com uma breve descrição de suas realizações relacionadas ao cargo pretendido. 

Não fale de suas pretensões, pois não é o momento propício e, lembre-se, o fato de estar em busca de uma nova posição só interessa a você. Frase como “meu objetivo é trabalhar numa organização para que possa aprender e crescer” é totalmente inadequada, pois se você quer aprender, procure uma instituição de ensino e faça um curso. 

O que a empresa pretende é contratar alguém que já esteja preparado para produzir resultados imediatos e que faça crescer a ela e a você por consequência. Apenas com resultados é que você fará a empresa crescer e você junto com ela e, para tanto, precisa estar preparado.

 

Somente um texto de qualidade irá atrair a atenção do leitor

Veja que sua carta precisará atrair a atenção do leitor e só a qualidade do texto fará com que este continue a lê-la. 

Ele só irá se manter interessado se encontrar um assunto que esteja relacionado aos seus próprios desafios na organização. Para isso, é necessário que estude tanto a empresa quanto o setor em que está inserida. 

Encontre situações que esta empresa em seu setor esteja vivenciando e sendo desafiada. Paralelamente, identifique quais as experiências que você acumulou em sua trajetória e que tenham relação com essas situações. 

Faça, então, a relação entre sua experiência e as situações que a empresa está vivenciando e complete com informações sobre sua capacidade de contribuir com esta em seu mercado. 

No próximo blog eu irei mostrar qual a estrutura adequada de uma carta de marketing. 

 

Autor: Sami Boulos

Continua no próximo artigo da série: “Mudanças no mundo corporativo”.